Luiz P. O. Bragança (@lpbragancabr)

2083 posts      351353 followers      368 followings     

pai, ativista, eleito Deputado Federal por São Paulo

http://www.lpbraganca.com.br

Sao Paulo, Brazil

2016-05-05 17:54:16

O ministro Gilmar Mendes não deve se incomodar com as mobilizações populares contra ele. Quem deve ficar incomodado é o Senado que até agora não agiu.

A esquerda americana está atrasada relativa a brasileira: no Brasil os ativistas conservadores são chamados de robôs ou milícia digital, são convocados para depor numa CPMI de Fake News e tem suas contas bancárias violadas numa tentativa de intimidar e talvez até prender.

Quando a data de hoje pesar na consciência nacional será o dia em que teremos o que comemorar.

Guaidó é o líder reconhecido do governo da Venezuela e ao substituir embaixador no Brasil e foi impedido pela esquerda brasileira que obedeciam Maduro. Cometeram dois erros: 1- apoiar facção terrorista externa e 2- interferir nas decisões internas da Venezuela.  #ForaMaduro

O presidente não mencionou o Mourão na conversa com os deputados.

O presidente não mencionou o Mourão na conversa com os deputados.

Não há nenhuma instituição na república que protege o bom senso. Soltar milhares de criminosos perante a população desarmada é irresponsável e nada na república impede esse crime maior.

“What the hell is going on down there?!” foi exclamado quinta passada num evento da Câmara de Comércio Brasil - EUA, em NY, que tratava dos avanços na Lava Jato quando investidores americanos e escritórios de advocacia internacional foram surpreendidos com a decisão do STF.

E como anda os países sob o comando do Foro de São Paulo? A Venezuela continua perdendo com o desastre humanitário, o México segue perdendo segurança com governo entregue ao narcotráfico e na Bolívia o governo renunciou por fraude eleitoral.

La  @OEA debe completar con autores de lo que llama “irregularidades”que son DELITOS por los q Morales debe responder.Nuevas elecciones NO es “repetir”:OEA halló “irregularidades muy graves”en las elecciones de  #Bolivia y exigió repetir los comicios https://www.infobae.com/america/america-latina/2019/11/10/la-oea-hallo-irregularidades-son-muy-grave...

O criminoso em liberdade age conforme o plano: recém egresso do cárcere já distribui apoio a candidatos para eleições municipais 2020. A prioridade não é vitória ideológica mas sim voltar ter acesso a orçamento público para financiar os passos seguintes.

Estarei hoje na Paulista apoiando todas iniciativas que resultem em permitir prisão após condenação em segunda instância. Na verdade prefiro prisão após condenação em primeira instância mas esse senso de justiça não está refletido nas instituições nesse momento.

A justiça vem do senso comum da sociedade. A justiça não pertence ao STF.

A carreira política do Lula se encerrou. Ele sendo solto a carreira que lhe resta é a de terrorista.

Não é necessário milhares terroristas gerando caos nas ruas quando o STF sozinho é capaz de estragos muito maiores.

Com nossa constituição ambígua como cúmplice, o STF vota para impedir que a justiça se estabeleça no Brasil.

Um tabu está sendo rompido: vários cidadãos publicam vídeos boicotando produtos e serviços de patrocinadores da Globo. O próximo tabu a ser rompido será dos patrocinadores financiarem canais como o Terça Livre.

As conquistas do governo nos primeiros 300 dias estão gerando confiança nos investidores. Há sinais inegáveis disso. O desafio no curto e médio prazos continuará sendo as reformas. No longo prazo deverá ser aprofundar-las para sobreviverem aos ciclos eleitorais.

As manifestações da esquerda hoje sequer viraram noticia em qualquer mídia. Desestabilizar o Brasil, como foi feito no Chile, demanda no mínimo 20 vezes mais tempo, gente e recursos. O caos por aqui só é possível se os bolcheviques conquistarem grandes orçamentos públicos.

Na sua opinião, em que instância a prisão de um criminoso assegura que justiça foi feita? Seria após o primeiro julgamento (primeira instância), após o segundo julgamento (segunda instância) ou somente após esgotado todos os recursos legais possíveis (trânsito em julgado)?

O PSOL usou a pauta de previdência dos militares para dividir as forças armadas entre praças e oficiais. Uma tentativa de ressuscitar o movimento tenentista de 100 anos atrás. Pois é, várias idéias seculares ainda funcionam.

O projeto de lei que trata de porte e posse de armas de fogo ampliou direitos a categorias do Estado mas restringiu ainda mais para o cidadão. Esse é o resultado do protagonismo do Congresso.

Todos canais de mídia devem ser livres para garantirem a democracia mas nenhum canal de mídia deve concentrar poder e influência o bastante para comanda-la.

A esquerda latino americana de 2019 é o espelho dos jacobinos de 1793 e dos bolcheviques de 1917: os líderes são da elite burguesa, comandam desinformados, desempregados e jovens e nos centros urbanos. Aguardam momento de fraqueza dos governos para agir. Grande avanço!

Liderança fraca é aquela que depende de construção e parcerias. A de verdade é a que tem raiz popular e é dona do momento político.

O novo presidente argentino Fernandez não começa bem. Fazer sinal de lula livre e qualificar o corrupto como preso político é um tapa na cara do sistema judiciário brasileiro e de milhões de brasileiros. Nosso presidente faz muito bem em não dar as boas vindas.

Macri perdeu a reeleição na Argentina. Ele não estabeleceu uma liderança forte o bastante para fazer grandes reformas e reduzir a força da oposição. Errou quando optou pelo gradualismo dando mais tempo para a oposição se reerguer. Fez um mandato típico de qualquer centrista.

©Twianon | Best Twitter online viewer
This site uses the Twitter API but is not endorsed or certified by Twitter. All Twitter logos and trademarks displayed on this applicatioin are property of Twitter.